expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Subdesenvolvimento: atualidade de um velho tema!

Recentemente comentei sobre o Vale do Açu. AQUI

Volto hoje ao tema com a sensação de que continuaremos no futuro a chorar pelo leite derramado.   

Existe um silêncio culposo diante de fatos gritantes. Não vejo nenhum rasgo de euforia, ainda que tardio.

Sem qualificação profissional a massa pena pelas ruas da amargura.

O resistente agricultor vive a sofrer entre secas e enchentes.

A agropecuária é de fazer dó. A bacia leiteira não consegue suprir o único laticínio da região – o da Cerval. Isso mesmo, falta leite por essas cercanias.

Em termos turísticos, que poderia ser uma indústria geradora de renda, pouco se avança. Cada qual rema para seu lado.

Por outro lado, existe a velha 'cultura do evento' que prioriza as festas como Carnaval, por exemplo, e abandona os equipamentos e bens culturais da cidade.

O que se gasta nesses eventos com cachês daria de sobra para melhorar e garantir o acesso da população a cultura durante todo o ano, além de valorizar as vocações locais.

Enfim, gostaria de discutir isso sem o teor novelístico eleitoral e mecanizado.

Como a Internet é fabulosa, mentes pensantes livres fiquem a vontade para abordar tal questão!
Postar um comentário